sexta-feira, 6 de junho de 2008

Pedra dos olhos

Tenho passados por dias bem corridos, com muitos afazeres e alguns dissabores também. Devido a isso, tem sido difícil dar atenção a este bloguinho e impossível visitar os blogs amigos. Alguns deles até me abandonaram, deixando de comentar aqui, creio que imaginando que eu os tenha esquecido. Mas não se trata disso, de forma nenhuma. Logo, logo espero poder voltar à minha rotina de passeios virtuais. Então, quem sabe meus amigos fujões voltem a passar por aqui também.

Como não consegui tempo para elaborar um novo texto ou terminar alguns que já tenho no forno, posto hoje algumas lindas fotos que são um presente do meu sobrinho, o Flávio. Ele fez as fotos há alguns meses durante um passeio à Pedra dos Olhos, uma elevação rochosa interessante que fica dentro de uma reserva ecológica de preservação da Mata atlântica, em Vitória, próxima a casa dele. De lá pode-se ter uma bela vista da capital da minha terrinha.









13 comentários:

Adelino disse...

Célia, ninguém te esqueceu.
O negócio é esse mesmo. Se parar um pouco a turma vai sumindo. As fotos estão´muito boas, principalmente aquela primeira. Parece obra de mãos humanas. Ou não humanas na forma que conhecemos, quem sabe?

Taty disse...

Nossa, que fotos lindas. Eu adoro passar por aqui pq sempre posso viajar por lugares bonitos, conhecer mais sem precisar sair de casa.
E não te esquecemos não, é impossível esquecer um cantinho tão bom assim.
Um beijo!!

Grace Olsson disse...

Querida, por falar em Pedra, tem uam montanha no norte moçambicano que se chama a mONTANHA DA MESA.
Eu tentei descobrir por quê...não tem nada de mesa...parece mais uma pedra dos olhos de tao linda de se ver.
beijos e dias felizes, sempre

Adri /Dri /Drika disse...

Belas imagens... tambem ando numa correria de dar dó... Bjoka

Flávio Rod. disse...

Com certeza é uma vista privilegiada, vista essa que eu pude ter! Vale lembrar que a Pedra dos Olhos leva esse nome devido a dois grandes orifícios nela.

Aninha Pontes disse...

Célia querida, as fotos estão realmente lindas.
Uma vista maravilhosa, e a pedra dos olhos, coisa mais linda.
Não se preocupe Célia, é assim mesmo, eu também tenho tido pouquíssimo tempo, e as minhas visitas também minguaram.
Não posto todos os dias, e quando o faço passa lá tres a quatro dias, com cinco ou seis comentários.
Mas vamos levando nossa vida.
Um beijo e ótima semana

simone disse...

Oi Célia,
a falta é tempo é geral,mas é preciso de fato priorizar, mesmo com texto pqno,as fotos falam por si, ajauda olhar coisas bonitas.Boa semana.bjs. Simone

Espaço Mensaleiro disse...

Celinha, vim visitar.

Se tivesse tempo viria mais vezes...

Um grande abraço.

Eliana Alves

Georgia disse...

Eu nao estou sumida, passo sempre por aqui,rs. Estou tb na correria. É final de ano escolar por aqui e as provas estao pegando.

As fotos sao lindas. Que vista maravilhosa da casa do Flavio.

Interessante essa pedra.

Grande beijo e boa semana

Casamento feliz disse...

Lindo lugar e seu papi melhorou ?

Beijao

Sonia Regly disse...

Célia,
Seu Blog é lindo e muito gostoso de se ler. Posso linká-la??? Vim te convidar para conhecer o Compartilhando as Letras, sua visita será uma honra.

vivendo disse...

Fofura,
voltei a blogar!!Vim aqui no prisma e quanta foto bonita, Tõ curiosa com o texto sobre a serra do espírito santo, imigração européia...volto depois com calma, pois hoje é o primeiro dia que volto após um tempo afastada...beijo e até breve, depois tô aqui de novo, Vivi

Celia Rodrigues disse...

Adelino, é bom saber que a ausência das pessoas queridas se deve à falta de tempo, somente. Abraço!

Taty, obrigada pelo carinho! Fico muito feliz em conseguir agradar, tantos com meus textos quanto com minhas imagens. Tudo isso é feito para vocês, com muito carinho. Beijo!

Grace, confesso que não consigo ver olhos nessa pedra também, rsrs. Essas duas cavidades em nada se parecem com olhos. Não tenho conseguido acessar seu blog, você colocou senha? Abraço!

Oi, Adri! Mulheres ocupadas como nós, dá nisso, né! Rsrs. Beijo!

Flávio, realmente a vista é o que há de melhor. Mas eu não consigo associar esses orifícios a olhos. Abraço!

Aninha, já fui mais assídua nas minhas visitas virtuais, mas o tempo está mesmo curto. Ainda bem que todos vocês compreendem. Abraço!

Simone, temos que priorizar mesmo, mas nesses tempos corridos, tudo é prioridade, aí fica complicado, né. Abraço!

Eliana, é sempre um prazer recebê-la. Venha sempre que puder. Abraço!

Geórgia, é verdade, você nunca some daqui, que bom! Beijo!

Oi, Fabi! Papai está em tratamento, um dia melhora outro não, e assim vamos indo. Beijo!

Oi Sônia! Fique à vontade para linkar o Prisma. E volte sempre, é um prazer recebê-la. Abraço!

Vivi! Que bom ter você de volta! Vai lendo tudo, quem sabe te deixo tão curiosa ao ponto de querer vir me visitar, rsrs! Beijo, amiga!