quinta-feira, 14 de agosto de 2008

Fim de férias, leitura, papai...A vida continua

Eu tinha que vir aqui deixar minhas impressões sobre o livro que terminei de ler, Paixão Índia. É uma excelente opção de leitura para quem gosta de um bom romance e de boas doses de conhecimento sobre culturas exóticas como as do Oriente.

Como escrevi num tópico ao lado - apagado - enquanto ainda estava lendo o livro, trata-se de uma história que ocorreu no início do século passado, o casamento de uma bailarina espanhola, Anita Delgado, com um rajá indiano. O livro trás, com riquezas de detalhes, a descrição da vida na índia aos olhos de uma ocidental pobre tranformada em princesa, o tratamento entre as castas, a vida em sociedade no palácio e fora dele, a exuberância das riquezas dos marajás e suas extravagâncias e ostentações e todo o momento político do período – uma Índia dominada pela Inglaterra.

Além disso, claro, o livro conta como começou e como terminou a história de amor entre os dois personagens centrais e os conflitos sociais, políticos, religiosos e culturais gerados por essa união. Lá pela metade, o livro trás uma surpresa agradável que não vou contar qual é. Curiosos? Leiam, hehe!

Recomendo como um dos melhores livros que já li.

*****************************************************************************************

Já reintegrada à minha rotina de trabalho há alguns dias – as férias v-o-a-r-a-m -, a vida vai aos poucos voltando ao normal, considerando que papai já está em casa novamente e as pernoites no hospital terminaram, por hora.

O tumor está lá, mas não existe câncer. GRAÇAS A DEUS! Porém, foram descobertos outros problemas que impediram a cirurgia. Houve uma seqüela devido a dois AVCs que ele teve há algum tempo e, por enquanto, operar não está no script. O tratamento continuará com remédios e depois veremos o que será feito.

Só ficamos tristes com essa morosidade toda por causa da sonda que ele está usando há três longos meses. Isso é muito incômodo para ele, tanto física como emocionalmente. Ele tem vergonha dela, não quer sair de casa para que ninguém saiba que ele a está usando. Além disso, tem que trocá-la de vez em quando e isso lhe causa muitas dores. Mas, pelo menos sabemos que isso se resolverá, cedo ou tarde.

Agradeço a todos que demonstraram seu carinho e atenção no post abaixo. Isso é muito válido em momentos como este que minha família tem vivido. Papai ficará feliz em saber dessa torcida em seu favor. Muito obrigada!

7 comentários:

Sonia Regly disse...

Célia,
Estou com saudades de vc!!!Passe lá no Compartilhando as Letras.Têm postagem nova!!!!

Georgia disse...

Oi Célia, imagino o quanto esses 3 meses tenham sido duros e difíceis para você, seu pai e família.
Aproveita cada minuto com ele, dedique-lhe tempo do seu tempo. isso fará muito bem a ele e ajudará na recuperacao. É a minha oracao.

Ai que eu fiquei com muita vontade de ler este livro, mas infelizmente ninguém estará indo tao cedo ao Brasil por aqui, pois às aulas acabaram de comecar. Entao leia agora "A montanha e o rio", já escrevi sobre ele lá no que elas estao lendo, vc tb vai gostar.

Grande beijo

Grande beijo

instantes e momentos disse...

torcendo por voces.
Tenha um belo final de semana.
Fique com Deus.
Maurizio

Sonia Regly disse...

Célia,
Coloquei uma interessante mensagem escrita por meu marido que é pastor.Passe por lá deixe sua opinião.Beijinhos.

Ricardo Luiz disse...

Que notícia ótima que trazes por aqui, Célia!
O Senhor nosso Pai resolve tudo o que a ele confiamos, não é mesmo...?

E sobre o livro... Minha curiosidade está muito aguçada para lê-lo... Porém devo primeiro devo terminar a leitura de "Marley e EU", a história da convivência (nem sempre) pacífica de um dono e seu cão!!

Um ótimo domingo pra ti!
Bjo

simone corpo,mente e arte disse...

Oi Célia, já li esse livro e é uma excelente leitura só em pensar td q essa mulher passou mais encantada fico com a personalidade dela, creio q as pessoas deveriam le-lo pq. mostra claramente os choques culturais e a força de uma mulher, esse livro me deu forças.bjs. Si

Celia Rodrigues disse...

Sinto que consegui despertar a curiosidade de todos pela leitura desse livro, hein! Leiam, vocês vão gostar!

Obrigada a todos pelos comentários e pela torcida em favor papai!