sexta-feira, 23 de outubro de 2009

O que fazer?

O que fazer quando manter a fineza só faz estender um problema?
O que fazer quando as palavras já não conseguem soar serenas?
O que fazer quando todo o estoque de educação já está no fim?
O que fazer quando apenas pensar na situação faz os nervos repuxarem e os músculos retesarem?
O que fazer quando tudo que se quer é agarrar o sujeito pela garganta e apertar até que um palmo de língua dele fique para fora da boca?
Digam-me, o que fazer???

10 comentários:

Renata Braga disse...

Aiii .... to sentindo tudo isso ...


E também, queria saber o que fazer.


Beijoo

Luis F disse...

Li e reflecti nas tuas palavras, como se o vento me segredasse ao ouvido.

Parabens pelo texto

Adorei

Luis

Georgia disse...

Oi Célia, tudo bem por ai?

Beijos

Glalter G. J. Rocha disse...

Acho que devemos fazer o que precisa ser feito. E isto inclui não fazer, visto que isto, pode ser exatamente o que precisa ser feito. Ajudei?

vivendo disse...

Celia,acabei rindo imaginando igual nos desenhos animados o sujeito com um palmo de língua para fora.É verdade...e o triste é que nesse nosso mundo não são poucas as situações que nos dão essas vontades, essas ganas...beijoca, Vivi

vivendo disse...

Fiquei pensando nesse seu post e acho que se possível for, o melhor é excluir essa pessoa do seu convívio...eu da última vez que me aconteceu isso, não exclui e essa pessoa que não prestava se voltou contra mim de forma inesperada...e foi muito chato...se vc não consegue se afastar pq trabalha com a pessoa, ou é um parente, o melhor nesse caso, é dar um gelo e ignorar a criatura.
beijoca, Vivi

Mary disse...

amiga, primeiro desculpe o sumiço, precisei de um tempo pra minha cabeça se ajustar à algumas coisas.. segundo, qto ao post, qdo vc descobrir a resposta à estas perguntas pq em certos dias tenho vontade de colocar a lingua de "um" pra fora.. bjoks mil e ótimo domingo..

Lucy Lordelo disse...

kkkkkkkkkkkk
Amiga, o espírito cristão diz pra não fazermos nada, mas somos feito de carne e osso!!! Mas conta de 1 a 1.000.000 e tenta se acalmar. Tenho feito isso, algumas vezes, e tem dado certo. rsrs
Depois me conta o resultado. rsrs

Georgia disse...

Querida, está tudo bem?

Um beijo

Aninha Pontes disse...

Respire fundo, e respire de novo.
Se precio, um milhão de vezes.
Só não tome nenhuma atitude precipitada.
Você poderá se arrepender, e sofrer ainda mais.
Um beijo